domingo, 7 de outubro de 2007

Os polacos e as filas

Que os polacos são pouco simpáticos uns para os outros, já toda a gente sabe, mas há vezes em que abusam mesmo. Por cá existem filas para tudo e como não existem aqueles papelinhos com números, a ordem das pessoas é "fisica". E depois é vê-los, desde homens de mau aspecto, a pessoas com ar inocente e claro, as senhoras mais gaiteiras e tias a tentarem passar à frente. Basta olharmos para o lado 3 segundos e a pessoa à nossa frente já não é a mesma. Ontem numa sapataria estava eu atrás de duas senhoras polacas que estavam com problemas no cartão, quando estavam a pagar. Esperei 10 minutos, sozinha, não havia fila. Assim que o problema foi resolvido, e era então a minha vez, apareceram outras 2 senhoras de um lado e um senhor do outro. A elas ainda consegui dizer que era a minha vez, mas claro que enquanto falava o senhor já estava à minha frente. Falei em inglês e as senhoras não entenderam o que disse, mas perceberam logo, pois desviaram-se. Eu acho que a estratégia é do tipo "vamos tentar, se dá melhor, senão dá vamos para a fila". Hoje no supermercado estava um casal com um carrinho cheio de compras a pôr tudo no tapete. Entretanto chega uma familiar com pão que tinha sido esquecido. Então não é que a senhora que estava atrás deles não a deixou passar?! Disse que lhe queria passar à frente!!! Claro que depois a rapariga veio cá atrás buscar o pão e o efeito foi o mesmo.
Acho incrível a falta de civismo que às vezes por aqui vejo. E noto que acontece mais nos mais velhos... a gerações mais jovens portam-se bem melhor nesse sentido.

2 comentários:

Bruno Raposo disse...

Ao menos os pupilos andam a aprender boas maneiras!
*Beijo*

Rui Vilela disse...

Nos eléctricos e nos autocarros cede-se o lugar aos mais velhos, enquanto que nas filas ... olhas para um pássaro e já meia dúzia de gatos pingados te passaram à frente.